Foram retomadas nesta segunda-feira (25), conversas para firmar o investimento da Toyota no Ceará. A companhia japonesa tem interesse na implantação de um centro de distribuição de peças em solo cearense.

As negociações acontecem entre os representantes da Toyota no Brasil e a Secretaria de Desenvolvimento Econômico do Estado (Sedet). A pandemia de covid-19 paralisou as tratativas que foram retomadas hoje.

“Houve avanço. Agora temos um dever de casa a fazer”, afirmou o secretário do Desenvolvimento Econômico do Ceará, Maia Jr, em entrevista ao Diário do Nordeste.

Maia Jr diz ainda que o Ceará recebeu um estudo da Toyota que passará por análise. Questões tributárias e logísticas também precisam de resolução.

Canal do Panamá

Maia Jr diz ainda que o sucesso do negócio depende do uso do Canal do Panamá. A estrutura liga o oceano Atlântico ao oceano Pacífico, onde fica o Japão, sede da Toyota.  “Se a gente conseguir uma rota pelo Pacífico, via Canal do Panamá, chega primeiro para o Ceará e facilita em termos de frete”, diz Maia.

Caso haja sucesso na empreitada, não está descartada a transformação do centro de distribuição de peças em montadora de veículos híbridos ou elétricos. (Aflaudísio Dantas para O Otimista)