Com o movimento antirracismo em evidência nas últimas semanas, a movimentação de desassociação a termos e homenagens ligados ao tema tem se tornado mais comum. O alvo mais recente é a famosa ‘Penny Lane’, rua de Liverpool eternizada pelos Beatles.

Em protestos recentes ocorridos na cidade inglesa, a placa com o nome da rua foi vandalizada. Ativistas do movimentos afirma que o seu nome seria em “homenagem” ao comerciante de escravos James Penny.

Penny Lane Vandalizada
Placa de Penny Lane vandalizada

O prefeito de Liverpool, Steve Rotherham, afirmou que sua equipe ainda não encontrou provas desta ligação, mas que a investigação continua na sede do governo municipal. O Museu da Escravidão de Liverpool está participando da investigação, e disse que a evidência ligando a Penny Lane a James Penny ainda é “inconclusiva”.

No entanto, há segunda teoria para o nome de Penny Lane: lá haveria uma pedágio para trafegar pelo local e  valor seria de um “penny” (moeda ou centavo, em inglês”).

De toda forma, Rotherham afirma que medidas imediatas talvez sejam tomadas para zelar pela placa. Uma das opções é a renomeação da rua.