O presidente da BSPAR, Beto Studart, reuniu virtualmente os principais representantes do setor imobiliário no Ceará.

O ex-presidente da FIEC queria ouvi-los sobre como eles projetam a conjuntura pós pandemia. A ideia era sentir o termômetro para que a BSPAR também possa se planejar para os próximos meses.

A surpresa é que até os mais cautelosos afirmaram que aos poucos a tendência é que o mercado se adapte à nova realidade, independente de qual seja.

A adaptação, destacada por eles, já começa a acontecer em meio à pandemia, com a utilização de ferramentas como as redes sociais, que muitos ainda relutavam em usar.