O ator Leonardo Villar morreu na manhã desta sexta-feira (3), aos 96 anos, em São Paulo. Ele foi vítima de uma parada cardíaca.

Ele estava internado desde o dia anterior após sentir-se mal. O corpo do ator será cremado, conforme desejo dele, e não haverá velório devido à pandemia do novo coronavírus.

Leonardo Villar foi o protagonista de “O Pagador de Promessas” (1962), filme de Anselmo Duarte, vencedor da Palma de Ouro em Cannes e indicado ao Oscar de Melhor Filme Estrangeiro no ano seguinte.

O Pagador De Promessas
O Pagador De Promessas (1962)

Grande nome da dramaturgia, Villar fez sucesso nos palcos, nas telonas e na telinha. Em seu currículo, estão os filmes “Lampião e o Rei do Cangaço”, “Brava Gente Brasileira” (2000) e “Chega de Saudade” (2008).

Na televisão, o ator participou de novelas, como “Barriga de Aluguel” (1990), “Laços de Família” (2000), “Coração de Estudante” (2002). Seu último trabalho foi interpretando Antero na novela “Passione” (2010).