Com múltiplas possibilidades de experiências tanto em meio à natureza quanto nas suas cidades – sempre citadas nos rankings das mais eficientes e com maior qualidade de vida do mundo -, e também pelas tradições da cultura artística e gastronômica, a Noruega é um dos países mais interessantes da Europa para conhecer nos próximos meses.

Localizado ao norte do continente, tem um relevo marcado pelo fiordes, formados pelas sucessivas glaciações e degelos da região ao longo do tempo. Outras características são os fenômenos naturais do sol da meia noite, durante o verão; e da aurora boreal, durante o inverno. A temporada de primavera e verão, que vai de abril a outubro, é garantia de paisagens exuberantes e passeios em temperaturas agradáveis.

As seis frequências semanais dos voos entre Fortaleza e Paris e Amsterdã pela Air France/KLM, com conexões rápidas para a capital Oslo; e a expertise da Casablanca Turismo em diferentes roteiros pelas cinco regiões da Noruega, facilitam ainda mais a viagem.

Geralmente a viagem começa pela região Leste, onde fica Oslo. Apesar de ser a mais populosa, também abriga muitas opções rodeadas por uma natureza quase intocada. A cidade, construída entre um fiorde e colinas, é um exemplo de organização e sustentabilidade. Tanto que foi considerada a Capital Europeia Verde de 2019. Cheia de construções modernas, a capital é um centro artístico importante, com instituições como a Galeria Nacional de Oslo, onde está o célebre quadro “O Grito”, do norueguês Edvard Munch; a House Opera; o museu de esculturas Vigeland; e o Museu do Navio Viking, que reconta um pouco da história do país por meio das embarcações. A cena gastronômica também é agitada, com opções que vão do mercado Mathallen ao Maaemo, com três estrelas no Guia Michelin.

A região da capital também abriga o Jotunheimen, parque nacional com pequenas geleiras e as maiores montanhas da Noruega, com até 2,5 mil metros de altitude; a rota ciclística Besseggen e os rios, excelentes para a prática de rafting durante o verão.

Das demais, a mais procurada durante o verão é a Sul, com temperaturas que chegam a 30º nos dias mais quentes. São várias trilhas e rotas ciclísticas pelo litoral! Não deixe de conhecer as que ligam os montes Sirdal e Hovden, a Rota Ciclística do Mar do Norte; escalar no Vale de Setesdal, e as praias de Kristiansand, considerada a capital da região.

Já a região dos fiordes é recortada por paisagens únicas no mundo, com braços de fiordes entrecortados por montanhas, lagos e cachoeiras, além do charme de vários vilarejos típicos, que vivem da agricultura e do turismo. Os passeios mais procurados são os de trem entre Flam e Myrdal, passando pelos fiordes e pela cachoeira de Kjosfossen. Outra opção para observar essas formações são cruzeiros, ou dirigir pelas curvas sinuosas da Atlantic Road.

A região Central tem a rota costeira de Kystriksveien, que guarda o título de uma das “101 rotas mais cênicas do mundo”, da revista National Geographic; e o safári no Parque Nacional de Dovrefjell, para observar os gigantescos e peludos Musk Ox, também conhecidos como bois-almiscarados; e linces, ursos e alces no parque de Namsskogan.

Já a região Norte, a mais inóspita, é perfeita para a observação do sol da meia noite, quando o Polo Norte fica em uma certa posição em relação ao Sol que o astro não se põe por vários dias seguidos durante o verão. Com sorte, nos passeios entre as diversas ilhas da região, é possível avistar Orcas, que habitam as proximidades.